FMI rebaixa previsão de crescimento do Brasil para 2018

O FMI calcula que América Latina e Caribe crescerão em conjunto 1% em 2017 e 1,9% em 2018
Saques do PIS/Pasep referente a 2016 começam em julho (IStock/Getty Images)
O Fundo Monetário Internacional (FMI) elevou de 0,2% para 0,3% a projeção de crescimento econômico do Brasil neste ano e rebaixou de 1,7% para 1,3% em 2018. As previsões fazem parte do relatório “Perspectivas Econômicas Globais”, divulgado hoje.
Segundo o FMI, o ajuste para a previsão de 2017 é atribuído ao forte crescimento do PIB alcançado no primeiro trimestre de 2017, superior ao previsto no relatório de abril – a economia teve um avanço de 1% na comparação com o quarto trimestre, e à queda da inflação.
Já a revisão para baixo da projeção de 2018 é influenciada pelo fraco consumo interno e pelo cenário de incertezas políticas e econômicas.
O Fundo rebaixou levemente o crescimento econômico da América Latina e Caribe para 2017 e 2018 e vinculou a recuperação da atividade econômica à saída de Brasil e Argentina da recessão. (veja)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.