PF prende auditor da Receita e empresário na Zelotes

Os dois se tornaram réus nesta segunda-feira, quando a Justiça Federal de Brasília aceitou denúncia do Ministério Público
Operação Zelotes, da Polícia Federal investiga um dos maiores esquemas de sonegação fiscal já descobertos (Ivan Pacheco/VEJA)
A Polícia Federal prendeu duas pessoas na manhã desta quarta-feira em um desdobramento da Operação Zelotes, que investiga um esquema de corrupção envolvendo julgamentos no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). O órgão julga recursos contra multas aplicadas pela Receita Federal.
Foram presos o auditor da Receita Eduardo Leite e Mario Pagnozzi, segundo o “Bom Dia Brasil”, da TV Globo. Leite, chefe da delegacia da Receita em São Paulo, é investigado em três processos. Pagnozzi é investigado por ser o operador da distribuição de propina para os envolvidos no esquema de corrupção.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.