Jucá é vaiado e chamado de ladrão durante evento em Roraima

Senador foi ofendido ao subir ao palco na inauguração do teatro municipal de Boa Vista; em novembro, o parlamentar foi alvo de protesto dentro de um avião.
No mês passado, o parlamentar foi alvo de um protesto dentro de um avião, quando uma mulher gravou um vídeo perguntando-lhe se ele havia conseguido estancar a Lava Jato (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O senador Romero Jucá (PMDB-RR) foi vaiado e ofendido no sábado durante a inauguração do teatro municipal de Boa Vista (RR). Ao ser chamado para discursar, o parlamentar foi imediatamente atacado pelo público presente, com gritos de “ladrão”.
O senador é alvo de uma série de investigações no Supremo Tribunal Federal. Em agosto, Jucá foi denunciado três vezes pela Procuradoria-geral da República no âmbito da Operação Lava Jato, sob acusação de envolvimento em esquemas da Odebrecht da Transpetro. Ele também é investigado pela Operação Zelotes.
Em seu discurso, Jucá desejou “feliz Natal” à plateia, que não parou de protestar. “Quero desejar a cada um de vocês, cada criança, cada jovem, a cada idoso, um Natal de paz, de alegria e de muita fraternidade”, afirmou o senador.
De acordo com veja.com,  no mês passado, o parlamentar foi alvo de um protesto dentro de um avião. Em um voo de Brasília a São Paulo, Jucá foi hostilizado por uma passageira: “O senhor conseguiu estancar a sangria, foi?”, perguntava a mulher – fazendo referência à conversa telefônica com Sérgio Machado, sobre a Lava Jato – enquanto gravava tudo pelo celular. O vídeo foi parar da internet, e viralizou nas redes sociais.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.