PROFESSORA MORRE NA SALA DE AULA, EM CARINHANHA

Uma professora carinhanhense identificada como Sueli Fogaça (37) morreu nesta manhã de quinta-feira (14) enquanto trabalhava na localidade denominada de Barra do Parateca no respectivo município de Carinhanha, oeste do estado. A mesma, segundo informações extraoficiais, teria tido uma parada cardíaca.
A professora era casada com o também professor João Paulo e tinha dois filhos. Muito querida entre amigos, familiares e colegas de trabalho Sueli Fogaça era dedicada à família e ao trabalho. A família ainda não divulgou detalhes sobre o que teria levado a jovem professora a ter um ataque cardíaco, se já apresentava algum problema de saúde.
Tentamos localizar o esposo ou algum familiar, mas não obtivemos êxito. A professora reside no Bairro Alto da Colina próximo a Igreja Santa Luzia. Na página do Facebook da professora muitos amigos estão manifestando consternação e ao mesmo tempo em estado de choque com a notícia da morte prematura da professora. O prefeito municipal decretou luto oficial de três dias após a morte da professora. Com informações do site Minuto Bahia/RN.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.