Discurso de Trump é o mais tuitado da história

Momento mais comentado na rede social foi declaração presidente do americano sobre respeito ao hino nacional
Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante discurso do Estado da União, em Washington - 30/01/2018 (Win McNamee/Reuters)
O primeiro discurso sobre o Estado da União do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, realizado ontem, foi o mais tuitado da história do país, de acordo com o Twitter.
A rede social registrou 4,5 milhões de tuítes sobre o evento, superando o número recorde do ano passado de 3 milhões de comentários sobre o primeiro discurso de Trump no Congresso.
De acordo com a plataforma, o momento mais tuitado do discurso veio quando Trump falou sobre o respeito ao hino nacional. A discussão sobre a proposta de reforma imigratória foi o segundo assunto mais comentado.
Ainda segundo o Twitter, a mensagem mais retuitada foi uma postagem com um link para assistir ao discurso ao vivo.
Donald Trump é muito ativo no Twitter e usa essa rede social para enviar mensagens polêmicas ou, como fez ontem, anunciar seu discurso no Congresso. “Junte-se a mim ao vivo para o #SOTU”, disse o presidente americano, pouco antes de começar seu discurso.
Reação do público
Pesquisa realizada pela rede de televisão CNN mostrou que 48% dos americanos que assistiram ao discurso de Trump na terça-feira tiveram uma reação “muito positiva” à fala do republicano. Enquanto isso, 22% das pessoas tiveram reação “razoavelmente positiva” e 29% dos entrevistados mostraram reação negativa.
Em relação ao primeiro discurso sobre o Estado da União de outros presidentes, Trump tem a mesma porcentagem de aprovação do que Barack Obama, em 2010, e de George W. Bush, em 2006. No entanto, em relação ao primeiro discurso de Trump no Congresso, realizado em 28 de fevereiro de 2017, houve queda no número de entrevistados que considerou a fala “muito positiva” (57%), enquanto o número de pessoas que viram o discurso negativamente subiu de 21% para 29%.
(Com EFE e Estadão Conteúdo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.