Lula: Não tenho nenhuma razão para respeitar a decisão da Justiça

Em ato do PT em São Paulo que lançou a sua pré-candidatura ao Planalto, petista diz que condenação pelo TRF4 foi uma decisão política combinada previamente.
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante reunião da Executiva Nacional do PT em São Paulo (Nelson Almeida/AFP)
Um dia depois de ser condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF4) a doze anos e um mês de prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que não respeitará a decisão da Justiça. A informação é do estadão conteúdo.
Em ato político da Executiva Nacional do PT, que aprovou sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto na eleição deste ano, nesta quinta-feira em São Paulo, o petista conclamou os militantes a defendê-lo nas ruas e pregou o enfrentamento político.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.