Alinne Rosa posa nua para apresentar seu carnaval contra o machismo e homofobia

Próxima quinta-feira, a cantora puxa um trio para o folião pipoca no circuito Barra-Ondina
Levantando a bandeira a favor das mulheres e contra o assédio e a homofobia, Alinne Rosa pede “Proteção e alegria” para a folia 2018. É esse o tema da cantora para seu quarto carnaval em carreira solo. As palavras foram retiradas da composição “Aquele fogo”, de sua própria autoria.
Foto: Marcelo OG | Divulgação
“Tinha um tema definido, mas resolvi mudar porque esse é um assunto que precisa ser exposto, debatido, divulgado. Quero que as mulheres possam ir às ruas de todo o Brasil para brincar sem preocupação. Sem medo de assédio, de violência. Beijar é bom, flertar é legal, mas tudo tem que ter consentimento. Não é não”, revelou Alinne, em primeira mão para o EXTRA.
Em parceria com o fotógrafo Marcelo OG e a artista plástica Tiana Lago, Alinne posou nua com o corpo coberto de frases e depoimentos reais sobre assédio, homofobia e machismo. “É aquilo de sentir na pele, sabe? Estava conversando com a minha equipe e chegamos nesse ponto, de retratar na minha pele os absurdos que enfrentamos diariamente. Eu já escutei muita coisa. Tenho fãs que foram assediadas, outros fãs sentiram a homofobia na pele. Já li e vi tanta coisa, isso é inaceitável”, pontuou Alinne.
Na próxima quinta-feira, a cantora puxa um trio para o folião pipoca no circuito Barra-Ondina, em Salvador. No sábado de carnaval, , no mesmo circuito, ela vai desfilar com inédito bloco O Vale. Já no domingo, Alinne Rosa se apresenta em Barreiras (MG). Na segunda e na terça-feira, a cantora viaja para Minas Gerais, onde vai se apresentar em duas cidades diferentes. (AG)
Foto: Marcelo OG | Divulgação

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.