Ex-treinador é condenado a 31 anos de prisão por crimes sexuais contra crianças

Promotor chamou o ex-técnico de 'predador' e 'pedófilo convicto' e acrescentou que ele fazia abusos em 'escala industrial'
Inglaterra - O ex-treinador Barry Bennell, que comandou o Crewe Alexandra, clube que atualmente está na quarta divisão inglesa, foi condenado a 31 anos de prisão por ter sido julgado culpado em 43 casos de abuso sexual contra crianças e jovens entre os anos de 1979 e 1991. Barry tem hoje 64 anos.
Barry Bennel foi condenado a 31 anos de prisão - Reprodução
Em um tribunal, na última terça-feira, o ex-técnico foi chamado pelo promotor de "predador" e "pedófilo convicto", e acrescentou que Barry abusava sexualmente de crianças 'em escala industrial'.
O Crewe Alexandra se manifestou com uma nota de consolo às vítimas. "Crewe Alexandra Football Club gostaria de expressar suas mais profundas simpatias com as vítimas de Barry Bennell . O clube gostaria de tranquilizar todos aqueles que foram afetados por este caso que informar de que trabalhou em estreita colaboração com a polícia e ofereceu plena cooperação, transparência e assistência com as investigações. O clube continuará a fornecer essa cooperação, quando necessário. (...) O clube gostaria, por conseguinte, de reiterar que não tinha conhecimento de qualquer abuso sexual por parte de Bennell, nem recebeu qualquer queixa contra ele, antes ou durante o seu emprego no clube". (odia)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.