Abel justifica Fluminense pior no segundo tempo contra o Nova Iguaçu: 'Jogo na mão'

Treinador não viu motivo para desgastar e arriscar na partida da Taça Rio, já que o Tricolor tem jogo decisivo nesta quinta-feira
Abel Braga justificou queda de rendimento de sua equipe no segundo tempo - LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
Rio - O Fluminense derrotou o Nova Iguaçu por 2 a 1 neste domingo, no Maracanã. Os gols da partida foram marcados pelo atacante Pedro, aos 11 minutos do primeiro tempo e pelo zagueiro Reginaldo, aos 18, também da etapa inicial, ambos pelo time de Abel Braga; o meia Iuri Pimentel descontou para os visitantes aos 21 do segundo tempo em falha do goleiro Júlio César. O treinador do Tricolor, Abel Braga, justificou a queda de rendimento de sua equipe no segundo tempo e já projetou duelo decisivo contra o Avaí nesta quinta-feira.
"Para que você vai desgastar? Tínhamos o jogo na mão, garantido. Para que iríamos arriscar? E quinta-feira é o contrário. Temos que arriscar tudo. Temos que dar a vida. E do outro lado teremos um adversário de valor", avaliou.
"Está 2 a 0, a gente sofre o gol, o que imagina? Que o adversário vai vir para cima. E foi o contrário. Eles fizeram o gol e foram para trás. Se eles não querem jogo, não querem empatar, nós vamos nos arriscar? Eles fizeram um jogo com inteligência também. Se eles perdessem apenas por um gol de diferença, basta ganharem o último jogo que eles não caem de divisão", analisou Abel Braga.
O jogo foi válido pela quinta rodada da Taça Rio. Com o resultado, o Fluminense chegou aos 13 pontos e, estando na liderança do grupo C, encaminhou a classificação para a semifinal da competição. Já o Nova Iguaçu, com um ponto, amarga a lanterna do grupo B.
Na próxima rodada, o Tricolor enfrenta a Cabofriense, no próximo domingo, às 16h, no Moacyrzão. O time da Baixada, por sua vez, pega o Macaé, neste mesmo dia e horário, no Laranjão. Antes, os comandados de Abel jogam contra o Avaí, nesta quinta-feira, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Na ida, no Engenhão, a equipe carioca perdeu por 2 a 1. (odia)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.