Estudante é baleado com tiro na cabeça na porta de escola estadual na Soledade

Jovem foi levado para o HGE
Um estudante de 16 anos foi baleado com um tiro na cabeça quando passava pela porta do Colégio Estadual Getúlio Vargas - antigo Colégio Estadual Carneiro Ribeiro - , no Largo da Soledade, em Salvador. De acordo com informações de testemunhas, ele é estudante do 9º ano do ensino fundamental da escola e teria reagido a um assalto. Ainda segundo informações de estudantes da unidade de ensino ele estaria indo pra casa. A situação ocorreu no final da manhã desta terça-feira (27) por volta de 10h30. 
"Em relação ao assalto sofrido por um estudante do Colégio Estadual Getúlio Vargas, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia e a comunidade escolar lamentam o ocorrido. A Secretaria esclarece que o fato aconteceu fora das dependências da unidade escolar. O estudante foi socorrido imediatamente para o Hospital Geral do Estado (HGE) onde passa por cirurgia", afirmou a Secretaria da Educação, em nota. A SEC ressaltou que a direção da escola acionou a família do estudante; 
Apesar da SEC informar que o caso foi uma tentativa de assalto Polícia Civil informou que essa versão não é a mais provável. "A priori não é assalto e não tem cara de assalto. Ele não reagiu a nada. Os pertences, inclusive, ainda estavam com ele", afirmou o delegado titular da 2ª Delegacia (Liberdade), Luis Henrique Costa. 
A Polícia Civil informou, através da assessoria de comunicação, que o estudante passava pela porta do colégio quando foi atingido na cabeça. O estudante matriculou-se este ano na escola e estava sem farda. O atirador fugiu a pé. 
A direção da escola informou ao CORREIO que o estudante não estava fardado. Isso porque, o colégio ainda não distribuiu o fardamento. A reportagem foi até a escola e verificou que a maior parte dos alunos estavam vestidos com roupas normais.
A 37ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) informou, em nota, que enviou uma equipe até o Largo da Soledade, onde populares informaram que uma ambulância do Samu tinha prestado socorro a uma vítima na manhã desta terça-feira (27).
O Samu informou que não fez o atendimento. O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Repressão a Crimes contra a Criança e o Adolescente Salvador (Dercca). 
Não há informações sobre o estado de saúde do estudante que passa por cirurgia no HGE. (correio24hs)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.