Fabrício, um herói improvável e sincero

Muito vaiado pela torcida, lateral-esquerdo admite que estava jogando mal até fazer o gol da classificação do Vasco para a final do Campeonato Carioca
29/03/2018 - Campeonato Carioca 2018 - Jogo entre Vasco x Fluminense, no estádio do Maracanã. Foto de Alexandre Brum / Agência O Dia - ATAQUE ESPORTE FUTEBOL VASCO FLUMINENSE FLA FLU CL?.SSICO CARIOCÃO - Alexandre Brum
Herói improvável da classificação do Vasco para a decisão do Campeonato Carioca, Fabrício esbanjou sinceridade em seu desabafo ao fim da partida. Com o filho Henry no colo, o lateral-esquerdo lembrou das vaias ao longo do clássico com o Fluminense e admitiu a má atuação. Mas raça, vontade e, principalmente, fé na virada não faltaram ao camisa 6, que, aos 50 minutos, marcou o gol que transformou o Maracanã num verdadeiro caldeirão.
"Trabalho a semana inteira. Amassei a bola, não joguei bem. Errei duas jogadas e a torcida começou a chiar. Acho que quando tem um segundo de esperança é preciso incentivar. Não joguei nada, amassei a bola, mas corri pelos meus companheiros. Sabia que estava mal, mas garra e vontade não podem faltam", disse Fabrício.
No duelo com Abelão, Zé Ricardo levou a melhor mais uma vez, com quatro vitórias e quatro empates. Paulinho incendiou o clássico, confirmando o êxito na mexidas do treinador. Afinal, foi a primeira vez que o Fluminense sofreu três gols no Carioca.
"Antes de qualquer análise, temos que enaltecer o grupo. Se não foi um grande jogo, tivemos muita luta. Esse grupo já passou por dificuldades até maiores e saiu. Paulinho e Desábato vêm fazendo bons jogos. Estava com receio de colocar o Paulinho, não estava 100%", disse Zé.
O Vasco volta a treinar na manhã de hoje, no CT das Vargens. Sem tempo a perder, a ordem é recuperar os jogadores, pois domingo a equipe inicia a disputa do título com o Botafogo, dividida em dois clássicos. Campeão carioca pela última vez em 2016, o Vasco, além do prestígio do título, ressalta a importância da premiação de R$ 3,5 milhões para os cofres do clube.
"Tenho certeza que o título vai ser importante para todos que estão aqui trabalhando, para colocar as contas em dia", destacou o comandante do Cruz-Maltino. (odia)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.