Jovem é morta e adolescente confessa o crime

Com o rapaz de 17 anos, a polícia encontrou 250 gramas de maconha, nove gramas de cocaína e uma arma de fogo.
"Eles se encontraram em um bar, para um programa, e aconteceu uma discussão na casa do adolescente", explicou o delegado da DHPP. Foto: Reprodução/Facebook
Uma jovem de 22 anos identificada como Jaqueline Mendes da Silva foi encontrada morta na manhã desta terça-feira (13), no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Um adolescente, de 17 anos, suspeito de autoria do crime, foi apreendido pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) ainda nesta terça. Com ele a polícia encontrou 250 gramas de maconha, nove gramas de cocaína e uma arma de fogo.
Na delegacia o jovem confessou o crime e, de acordo com o delegado Cassio André Dias Conceição, da DHPP, não há dúvidas de que o adolescente foi o autor dos disparos.
“Eles se encontraram em um bar, para um programa, e aconteceu uma discussão na casa do adolescente. A vítima teria xingado a mãe dele e, por isso, o adolescente, que não gostou, diz ter atirado contra a face dela. Certamente teve outras pessoas que ajudaram na ocultação do cadáver, isso porque ela era alta e ele não conseguiria fazer isso sozinho. A arma é dele e ele é bem conhecido na região da Vila Osternack. Agora vamos identificar os outros envolvidos no crime”, explicou.
O suspeito será encaminhado para a Delegacia do Adolescente.
(TRIBUNAPR)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.