'Todo casamento me faz chorar', diz Chris Flores

Apresentadora, que comanda reality do SBT, fala do sonho de realizar sua própria festa e dos pedidos do público
Robson Jassa, Elisa Tavares, Carlos Bertolazzi, Chris Flores, Junior Mendes, Beca Milano e Lucas Anderi - Victor Silva/SBT
Noiva de preto, outra vestida sensualmente usando couro, uma terceira voando durante o casamento, uma outra noiva-sereia nadando em pleno casório ou um bolo representando o pulsar da vida, depois de o noivo ficar entre a vida e a morte. O assunto em questão é mesmo a segunda temporada do 'Fábrica de Casamentos', que estreou ontem, às 21h30, no SBT.
"Vivemos em uma sociedade com muitas regras, padrões, paradigmas, preconceitos, e as pessoas têm medo de arriscar e colocar para fora o que elas sentem, gostam e querem fazer de fato. Com o 'Fábrica', as pessoas estão percebendo que qualquer sonho é possível. Você não precisa se restringir e fazer alguma coisa que os padrões da sociedade estabeleceram o que seria um casamento 'ok', padrão", comemora Chris Flores, que divide a apresentação do programa com Carlos Bertolazzi e conta com o apoio do estilista Lucas Anderi, da chef confeiteira Beca Milano, da organizadora e responsável pelo menu Elisa Tavares, do hairstylist Robson Jassa e do maquiador Junior Mendes.
CASÓRIO DE CHRIS
Se Chris fosse a noiva da vez, seu enlace seria bem simples. "Talvez no campo, vestido confortável, obviamente do Lucas. Então, não seria tão simples assim porque ele não faz vestido simples. Elisa me ajudaria na organização, mas jamais colocaria minha amiga para trabalhar no dia mais importante. O bolo da Beca obviamente, mas seria um bolo com flores. Jonas faria a maquiagem e Robson, o cabelo", explica.
Depois que começou a apresentar o 'Fábrica de Casamento', a apresentadora valorizou ainda mais a presença do véu no figurino da noiva. "É um manto de proteção da noiva contra o mal olhado e deixa a noiva com cara de noiva. Se eu realizar esse sonho de ter uma cerimônia, um casamento, uma festa, certamente usarei um véu lindíssimo de Lucas Anderi, na verdade usaria uma mantilha, porque você fica com mais cara de véu ainda, todo bordado, lindo e maravilhoso", gaba-se Chris, que há 14 anos vive com o jornalista Ricardo Corrêa.
CASAMENTEIRA
A apresentadora explica que desde a primeira temporada do reality tem sido abordada constantemente por noivos e amigos de noivos loucos para casar. "Nas ruas, passam muitos telefones, contatos de gente, cartinhas com suas histórias de amor para participar do programa, e é muito gostoso receber esse carinho. Todo lugar onde eu vou, estou tipo Santo Antonio, sempre alguém com nome, telefone, pedindo para casar uma amiga, parente. Recebo muitos e-mails, sempre alguém pedindo", diverte-se ela, que chora durante os enlaces. "Todo casamento me faz chorar, principalmente na cerimônia e troca de votos", acrescenta.
SUCESSO
O sucesso do programa vem desde a primeira temporada, que depois de lançada, ganhou mais sete episódios. Nesta segunda edição, o investimento foi grande. E o retorno comercial não ficou atrás. "Tivemos mais investimento e novos patrocinadores. Isso é muito legal porque significa que o mercado anunciante está gostando do nosso programa, está investindo", comemora. O aporte financeiro foi tanto que a produção ganhou até um estúdio novo, uma espécie de quartel general, para os especialistas receberem as informações sobre os sonhos dos noivos para o casamento através de uma dinâmica com telas interativas e painel touch. "Eles têm mais liberdade, sem a minha presença e do Bertolazzi, para xingarem a gente (risos) e ficarem bem bravos com os pedidos que a gente permite dos noivos. O 'QG' é só deles. Eles ganham mais protagonismo", brinca.
REQUISITOS
A jornalista afirma que muitos fatores são levados em consideração na hora de escolher o casal participante da atração. Em primeiro lugar, um casal com história de amor romântica e verdadeira, pois tudo isso é checado. E que seja sensível e sensibilize quem está em casa. "E com certeza, tem que ter pedidos inusitados porque estamos em um programa de TV, e aí quem está assistindo quer ver muita brincadeira, confusão e desafios", reflete Chris, com bom humor. (odia)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.