MOMENTO HISTÓRICO! Bonner Lê Mensagem De General Contra Lula: ‘Exército Preparado’

O comandante-máximo do Exército brasileiro e um dos principais expoentes das Forças Armadas do país, general Eduardo Villas Bôas, se manifestou, de modo contundente, à véspera do julgamento do habeas corpus preventivo impetrado pela defesa do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. O militar da mais alta patente das forças militares do Brasil mandou um duro “recado” direcionado principalmente, aos ministros da mais alta instância do Poder Judiciário do país; o Supremo Tribunal Federal (STF)]. Uma mensagem publicada há poucas horas por Villas Bôas em seu perfil da rede social do Twitter, acabou sendo ate mesmo, lida ao vivo durante exibição do “Jornal Nacional”, da Rede Globo, apresentado pelo âncora William Bonner.
Entretanto, sem mencionar o julgamento do habeas corpus preventivo impetrado pela defesa do ex-presidente Lula e que deverá ser julgado nesta quarta-feira (04), o general Eduardo Villas Bôas foi contundente, nesta terça-feira (03), ao postar em sua rede social sobre o “repúdio à impunidade”, tanto por parte da população brasileira, quanto pelos militares das Forças Armadas.
Exército em consonância com a imensa parcela da população
O comandante do Exército, Villas Bôas, foi enfático em suas afirmações, ao expressar que a instituição a qual ele representa “julga compartilhar o repúdio à impunidade e o respeito à Constituição Federal, assim como anseio de todos os cidadãos de bem”. O chefe do Exército foi ainda mais longe, ao considerar que “o Exército se mantém totalmente atento às suas missões de caráter institucional”.
Durante sua manifestação na rede social, Villas Bôas alertou para o que se passa com o país, em se tratando do atual momento, ao relatar que “nessa situação vivenciada pelo Brasil, resta indagar às instituições e ao povo brasileiro a respeito de quem estaria realmente pensando no bem do país, inclusive, das gerações futuras e quem estaria preocupado tão somente com interesses pessoais”.
Alguns generais já se manifestaram, após as palavras de Villas Bôas, em total apoio ao chefe do Exército e maior representante das Forças Armadas. Vale ressaltar que o general da reserva, Luiz Gonzaga Schroeder Lessa, foi categórico, durante entrevista concedida à imprensa, nesta terça pela manhã, ao afirmar que “é dever total das Forças Armadas realizar a restauração da ordem, se o Supremo Tribunal Federal vier a dar uma rasteira na Constituição Federal”. Toda a pressão está posta à mesa, em relação à qualquer tentativa de se impôr interesses pessoais por parte de ministros da Suprema Corte, seja em relação ao julgamento do habeas corpus de Lula ou em se tratando da mudança de entendimento sobre a prisão em segunda instância. (noticiasbrasilonline)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.