Família de idoso pede Justiça após ele levar 30 marteladas na cabeça em Pernambués

Autor foi preso em flagrante pela polícia, mas foi solto na audiência de custódia
Foto: Reprodução / Record
Um idoso de 65 anos, morador do bairro de Pernambués, teve a vida comprometida após ser agredido com 30 marteladas na cabeça por conta de um motivo banal.
O acusado de agredi-lo era inquilino de um imóvel do idoso e queria comprá-lo, mas a vítima não queria vender a casa. Em uma das discussões, o agressor pegou um martelo e desferiu golpes contra o idoso.
Ele foi preso em flagrante pela polícia, mas foi solto na audiência de custódia e responde ao processo em liberdade.
O autor levou seu Bernadilho, a vítima da agressão, ao Hospital Roberto Santos depois de tentar matá-lo e funcionários do hospital descobriram que o acompanhante do idoso era o agressor. (VN)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.