MENSAGEM DO DIA: “EU SOU O PÃO DESCIDO DO CÉU.”

Nesta segunda semana de agosto, mês vocacional, somos convidos a refletir sobre a vocação familiar, dando neste Domingo, uma atenção especial aos pais.
Numa família, a figura do pai, sempre aparece como ponto de referencia, a ele são conferidas as maiores responsabilidades. Deus coloca em suas mãos o destino e a segurança da família, portanto os pais são os representantes de Deus na família.
“A família, é de origem divina, é o berço de todas as vocações, a primeira comunidade humana, planejada pela mente perfeita e soberana do Criador!” O próprio Deus, quis se fazer família, no Pai, no Filho e no Espírito Santo.
O amor de Deus infundido em nossos corações, por meio da família, é o fio condutor de todo o nosso ser cristão!
O evangelho nos convida a refletir, começa dizendo, que os judeus murmuraram a respeito de Jesus, porque Ele disse: “Eu sou o pão vivo, descido do céu.” Jesus disse no presente: “Eu Sou...”
Na sua humanidade, Jesus se fez alimento, ao alimentar a esperança nos desesperançados, ao curar os doentes, libertar os cativos... No Pão eucarístico, Jesus perpetua sua presença no mundo, passando a agir em favor dos que sofrem, através de quem se alimenta Dele.
“Eu sou o Pão que desceu do céu”... Alimentar deste Pão, é encher-se do amor de Deus, transmitido a nós por meio de Jesus. Estar em comunhão com Jesus e com os irmãos é viver a plenitude deste amor, amor que mina a força do egoísmo que ainda possui raízes em nós.
A vida iniciada aqui na terra, quando alimentada do Pão da vida que é Jesus, não será interrompida com a morte física, é o próprio Jesus quem nos faz esta promessa, ao nos indicar o caminho da eternidade: “Eu sou o pão vivo, descido do céu.” Quem comer deste pão viverá eternamente”!
“Quem come da minha carne e bebe do meu sangue permanece em mim e eu Nele.” Quando Jesus diz essas palavras, amplia-se o nosso horizonte, aumentando em nós, a responsabilidade de sermos continuadores da sua presença aqui na terra, de nos tornarmos Nele, sustento para o outro, sendo presença de amor na vida do irmão.
Somos felizes, porque somos necessitados de Deus, é esta necessidade de Deus, que nos faz buscar Jesus, pois sabemos, que só Ele conhece o Pai e só por Ele, chegaremos ao um oásis repousante que é o coração do Pai!
O nosso foco é o Pai, o Filho é o caminho que faz chegar ao Pai, portanto, Pai e Filho estão intimamente ligados.
Deus se manifesta a todos os seus filhos, através de inúmeros sinais, mas Ele só se revela, através de Jesus, pena, que nem sempre, deixamo-nos tocar pela sua manifestação.
Jesus se faz nosso alimento de várias formas, mas é na Eucaristia que Ele quer movimentar a nossa vida, nos fazer sair de nós mesmos para irmos ao encontro daquele que necessita das suas mãos, em nossas mãos para se reerguer. 
FIQUEMOS NA PAZ DE JESUS
(Com Olivia Coutinho)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.