Polícia identifica atirador de ataque na Flórida; vídeo mostra desespero de jogadores

Autor dos disparos, identificado como David Katz, de 24 anos, se suicidou após o ataque
Por O Dia
David Katz, de 24 anos, é apontado pela polícia como autor dos disparos na Flórida. Ele se matou após o ataque - Reprodução / YouTube
Estados Unidos - Três pessoas morreram após o ataque de um atirador, em um centro comercial de Jacksonville, na Flórida, Estados Unidos, neste domingo. Entre os mortos está o autor dos disparos, que foi identificado pela polícia como David Katz, de 24 anos, de Baltimore, no estado de Maryland. 
Inicialmente, a imprensa local afirmou que havia quatro mortos mas a informação foi contestada pela polícia. David Katz estava na Flórida para o torneio do jogo "Madden NFL 19". "Haviam três pessoas mortas no local, incluindo o suspeito do ataque, que tirou a própria vida", disse Mike Williams, xerife de Jacksonville. Ainda de acordo com a polícia, 11 pessoas ficaram feridas no ataque, sendo nove delas por tiros. 
O ataque
O ataque aconteceu no centro comercial Jacksonville Landing, que conta com bares, restaurantes e lojas na região central e à beira do rio que corta a cidade. Segundo a imprensa, os tiros aconteceram dentro do GLHF Game Bar durante um campeonato do jogo "Madden NFL 19", que faz parte da Liga Nacional de Futebol Americano. O torneio era uma das etapas classificatórias para as finais, em Las Vegas, com prêmio de 25 mil dólares.
Policiais permanecem no local do tiroteio, em Jacksonville - AFP
Algumas mídias sociais estavam transmitindo o torneio ao vivo quando os tiros começaram. É possível escutar os participantes do torneio reagindo aos tiros e gritando. "Tiroteio em Jacksonville. Fiquem longe da área. A área não está segura neste momento. Fiquem longe. #TheLandingMassShooting", alertou a conta do do Jax Sheriff's Office no Twitter.
Segundo a TV local News4Jax, várias ambulâncias, bombeiros e policiais foram ao local para prestar atendimento aos feridos. As ruas foram bloqueadas em todo o centro de Jacksnville. Algumas pessoas foram encontradas em áreas fechadas do Jacksonville Landing.
Vídeo
Uma transmissão streaming do torneio no site Twich conseguiu captar vários disparos de arma de fogo. Também são ouvidos alguns gritos antes de a conexão se perder. O Twich retirou o vídeo do ar, mas ele continua podendo ser acessado em outras redes sociais.




Tiroteio em Jacksonville, na Flórida, durante um torneio online de Madden 19. O momento dos disparos foi transmitido através da plataforma Twitch, antes de o stream ter acabado.

O jogador Young Drini, que participava do torneio pela equipe CompLexity Gaming, foi ferido de raspão em uma das mãos.
"Obviamente estamos chocados e tristes com os eventos desta tarde. Nosso jogador, Drini, foi atingido no polegar, mas ele ficará bem. Ele conseguiu escapar e correr até uma academia de ginástica próxima", disse o diretor da equipe, Jason Lake, à agência de notícias AFP.
"Nunca mais vou dar nada como certo. A vida pode ser interrompida em um segundo", tuitou o jogador.
Algumas pessoas na internet, inclusive uma senhora que se identifica como mãe do jogador, afirmaram que "oLARRY2K" foi atingido no peito por um disparo. "Tenho sorte por estar vivo, me sinto enjoado e ainda estou tremendo. Não posso acreditar que uma bala atingiu a parede ao meu lado... Ver corpos no chão... É um pesadelo total", escreveu @SirusTheVirus, que afirma ser jogador profissional de Madden.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.