MENSAGEM DO DIA : “E VÓS, QUEM DIZEIS QUE EU SOU?”

Muitos de nós, professamos a nossa fé em Jesus, mas não o conhecemos de fato, temos só o conhecimento teórico.
O Evangelho nos convida a refletir e chama a nossa atenção, para algo fundamental na nossa vida: conhecer Jesus! Não tem como viver a fé, sem conhecer Jesus, e não tem como conhecê-Lo, sem nos tornarmos íntimos Dele! Sem uma intimidade profunda com Jesus, ficamos na superficialidade da fé, sabendo quem é Ele teoricamente, e não, pela a experiência com Ele!
No texto, Jesus pergunta aos discípulos: “Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?” Jesus já sabia que muitos, mesmo sendo seus ouvintes, tinham uma ideia equivocada a seu respeito, alguns o viam como um milagreiro, outros, como alguém que fosse lhes oferece vida fácil... Os discípulos responderam: “Alguns dizem que é João Batista; outros que é Elias; outros ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas." Não satisfeito com o que o povo pensava a seu respeito, demonstrando não conhecer o seu Messianismo, Jesus vai mais além, faz essa mesma pergunta, à aqueles que conviviam diretamente com Ele: os discípulos. “E vós, quem dizem que eu sou?” Esta pergunta, silenciou os discípulos, pois desta vez, a resposta deles teria que ser pessoal, e não, em nome do povo, o que é fácil, pois não compromete. Pedro foi o único que respondeu, e respondeu com firmeza: “Tu és o Messias ”. Esta resposta de Pedro agradou Jesus, pois Ele sabia, que esta sua afirmação, era fruto da sua convivência com Ele.
Jesus proíbe severamente aos discípulos de revelar a sua identidade, afinal, um povo que esperava por um Messias triunfalista com poderes políticos, jamais aceitaria um Messias na condição de servo, alguém que tivesse o olhar voltado para os pequenos! Jesus sabia, que Ele não seria reconhecido como Filho de Deus, sem antes passar pela cruz.
Pedro reconhece Jesus como sendo o Filho de Deus, mas ele ainda demonstrava não estar pronto para assumir o seu discipulado, pois ainda caminhava na obscuridade, carregando consigo a mentalidade do mundo, alimentando dentro de si, a ideia de um Messias glorioso, mas sem a cruz.
Jesus, que conhece o interior das pessoas, percebe de imediato a dificuldade dos discípulos em aceitar o desafio da cruz. No desejo de fazê-los compreender a importância de não fugir da cruz, Ele insiste em afirmar que seria impossível segui-Lo, sem a cruz.
O seguimento a Jesus inclui à cruz, porque a nossa adesão a Ele, nos levará a atitudes que contrariam os opositores do projeto de Deus.
Este episódio é um alerta para todos nós, que afirmamos conhecer Jesus. Afirmar que conhece Jesus, é comprometedor, quem afirma conhece-Lo, torna responsável pela continuidade da sua missão.
Hoje, Jesus continua nos perguntando: “ E para você quem eu sou? Saber quem é Jesus é muito mais do que saber que Ele é Deus! Saber quem é Jesus implica em comprometimento com a sua causa, em dar continuidade a sua presença aqui na terra, no cuidado com o que lhe é de mais precioso: a vida humana!
É pela fé que reconhecemos Jesus como o nosso Deus e Senhor, o que não é fruto de nenhum esforço humano, e sim, do acolhimento ao dom da fé.
FIQUEMOS NA PAZ DE JESUS!
(Com Olívia Coutinho)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.