STF pede que Eduardo Bolsonaro se manifeste sobre queixa-crime de Boulos

POR CLARISSA STYCER
Mark Kauzlarich/Márcio Alves | Bloomberg/Agência O Globo
Quatro meses após ser protocolada, a queixa-crime de Guilherme Boulos (na foto, à direita) contra Eduardo Bolsonaro começou a caminhar no STF.
O ministro Marco Aurélio Mello deu sequência ao procedimento. Pede que o filho de Bolsonaro apresente sua defesa em até 15 dias.
Com base em publicações nas redes sociais de Eduardo, Boulos o acusa de calúnia e difamação. Para o candidato do PSOL, o deputado associa o seu movimento, o MTST, ao desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, em São Paulo. (Lauro Jardim)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.