FUTEBOL INTERNACIONAL - Neymar será julgado por corrupção e pode pegar até seis anos de prisão

As polêmicas envolvendo a transferência do atacante Neymar do Santos para o Barcelona segue rolando na justiça. O jogador será julgado após acusação de corrupção e dolo e pode pegar até seis anos de prisão (condenação maior que a pedida inicialmente pelo fisco espanhol – dois anos de prisão por corrupção), é o que acredita o juiz encarregado de julgar as irregularidades de sua transferência do Peixe para o clube catalão.
“O Neymar vai ser julgado por corrupção e dolo, sendo que ele incorre numa pena que pode ir dos quatro aos seis anos de prisão”, explicou José María Vázquez Honrubia, à imprensa espanhola.
Desta forma, o jogador, seus pais, o presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, e seu antecessor Sandro Rosell (preso desde maio de 2017) serão julgados na Espanha por fraude. Oficialmente o Barcelona anunciou que a contratação de Neymar teria custado 57,1 milhões de euros (40 milhões pagos à família de Neymar e 17,1 milhões para o Santos). No entanto, a justiça espanhola estima que o verdadeiro valor seria de 83,3 milhões de euros. Destacou o site Goal.
O DIS, que recebeu 6,8 milhões de euros, acusa o Barça e o craque de ocultarem o valor real da negociação. Assim, o fundo de investimento pede, na Justiça da Espanha, uma indenização entre 159 e 195 milhões de euros. Como o jogador pode receber sentença superior a cinco anos de prisão, a legislação espanhola obriga o julgamento a ter três juízes, o que poderia atrasar ainda mais o início do julgamento, que segue sem data para começar. (FB)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.