Presidentes do TSE e STF, arrogantes, não parabenizaram o presidente da República

Helder Caldeira/JORNALDACIDADEONLINE
Registre-se: apenas Michel Temer telefonou ao Presidente eleito Jair Bolsonaro.
Fugindo à tradicional liturgia institucional, a atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ministra Rosa Weber, optou por não ligar; a mesma opção fez o atual presidente do Supremo Tribunal Federal, Ministro Dias Toffoli; o candidato derrotado Fernando Haddad também recusou-se a ligar para o vencedor. Todos decidiram pela arrogância.
E são exatamente esses arrogantes quem passaram toda campanha acusando Bolsonaro de não respeitar as instituições brasileiras. Como já disse anteriormente, essa gente mede os outros pela régua do próprio umbigo.
São eles quem não respeitam as instituições, as tradições, as liturgias que cercam o poder. Que comece a quimioterapia!
Em tempo: Após a polêmica, a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ministra Rosa Weber, e o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ministro Dias Toffoli, decidiram finalmente cumprir o rito litúrgico tradicional das instituições e telefonaram para o presidente eleito Jair Bolsonaro.
Viva as Redes sociais!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.