TRISTEZA NO TÊNIS DE MESA PARALÍMPICO - Pai de atleta brasileira morre de ataque cardíaco após ver conquista da filha

Flávio Alves acompanhou Cátia Oliveira na partida que valeu uma vaga na final no Mundial de Tênis de Mesa Paralímpico
Por O Dia
Pai de Cátia Oliveira morreu do coração - Roberto Castro/rededoesporte.gov.br
Eslovênia - Uma notícia triste para o esporte brasileiro. Após ver a filha Cátia Oliveira passar para a final do Mundial de Tênis de Mesa Paralímpico, na Eslovênia, seu pai Flávio Alves não resistiu e sofreu um ataque cardíaco. E no dia em que a filha conquistou a medalha de prata para o Brasil, ele acabou falecendo.
Cátia soube da notícia antes da cerimônia de entrega das medalhas, mas preferiu subir ao pódio para receber a premiação como forma de homenagear o pai.
A atleta era jogadora da seleção sub-17 em 2007 quando sofreu um acidente automobilístico que tirou os movimentos de suas pernas. Aí resolveu trocar de esporte e se dedicar ao tênis de mesa.
A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa emitiu nota lamentando o ocorrido: "É com muita tristeza que recebemos essa notícia, num dia de tamanha alegria para o nosso esporte, que conquistou uma inédita medalha de prata no Mundial. A família é a coisa que mais prezamos no tênis de mesa. Tomara que Cátia, que é uma atleta que já superou um grave acidente quando era adolescente, tenha forças para superar essa perda. No que depender da CBTM, daremos todo o apoio".

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.