TRAGÉDIA NO RIO DE JANEIRO - Deslizamento mata ao menos 9 pessoas em Niterói; buscas seguem

Região vem sendo atingida por fortes chuvas; onze pessoas já foram resgatadas
Por veja
Equipe de Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil auxiliam feridos após deslizamento em Niterói (RJ) - 10/11/2018 (TV Globo/Reprodução)
Um deslizamento de pedras em Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, matou ao menos 9 pessoas na madrugada deste sábado 10, segundo informações da Defesa Civil do RJ. 
Onze já foram resgatadas com ferimentos e encaminhadas a unidades de saúde próximas. Ainda há pessoas soterradas e o trabalho de buscas continua.
Equipe do Corpo de Bombeiros carrega ferida após deslizamento atingir o Morro da Boa Esperança, em Niterói (RJ) - 10/11/2018 (TV Globo/Reprodução)
Voluntários e equipes do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil auxiliam na remoção de escombros para encontrar possíveis vítimas após deslizamento no Morro da Boa Esperança, em Niterói (RJ) - 10/11/2018 (jose lucena/Futura Press/Folhapress)
Deslizamento no Morro da Boa Esperança em Niterói (RJ), na madrugada deste sábado (10), causa a morte de ao menos três pessoas. (jose lucena/Futura Press/Folhapress)
Segundo representante de uma associação de moradores do local, em entrevista à GloboNews, algumas das casas atingidas já estavam interditadas pela Defesa Civil. Seus donos, contudo, se recusaram a deixá-las.
Os trabalhos de remoção dos escombros, resgate das vítimas e busca por mortos poderá levar até 48 horas, afirmou o secretário de Estado de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Roberto Robadey Costa Júnior, ao canal.
Batalhão de Niterói auxilia equipes do @cbmerjoficial que trabalham para resgatar vítimas soterradas pelo deslizamento ocorrido nesta manhã, no Morro da Boa Esperança, em Piratininga, quando uma pedra rolou do alto da comunidade e atingiu casas. Nossa solidariedade às famílias!
Este é o primeiro deslizamento registrado na cidade desde 2010, quando 48 pessoas morreram em uma ocorrência semelhante no Morro do Bumba, tragédia que causou comoção nacional à época. 
Rodrigo Neves, prefeito de Niterói, a região não é classificada como área de alto risco geológico no mapeamento de risco. Ele explica que o ocorrido não foi o deslizamento de uma encosta e sim uma rachadura no maciço de um local muito mais alto do que o ponto onde ocorreu a tragédia.
A Prefeitura de Niterói informou que, desde 2013, “investiu mais de R$ 150 milhões em obras de contenção em 50 encostas da cidade”.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.